Prémios Europeus de Promoção Empresarial

Prémios Europeus de Promoção Empresarial 2017

Com o objetivo de potenciar a divulgação e visibilidade de boas práticas de fomento do empreendedorismo, o IAPMEI, enquanto Coordenador Nacional desde a primeira edição (2006), promover e dinamizar os Prémios Europeus de Promoção Empresarial 2017, uma iniciativa lançada pela Comissão Europeia no âmbito do Small Business Act (Lei das Pequenas e Médias Empresas).

Aos Prémios Europeus de Promoção Empresarial podem ser submetidos projetos ou iniciativas, em curso, ou recentes (demonstrando que existe ou decorreu, ao longo de pelo menos dois anos, incluindo dados quantitativos). Uma mesma entidade pode apresentar diferentes projetos em diferentes categorias.

 

As candidaturas devem ser formalizadas junto do IAPMEI até 12 de Abril de 2017, através de formulário próprio devidamente preenchido e assinado (versão em formato ‘PDF’ e ‘Word’) acompanhado do “Reconhecimento de assinatura(s) com poderes para o ato” ou o acesso à certidão eletrónica. O formulário deve ser remetido para o seguinte endereço: premioseuropeus@iapmei.pt

Para mais informação (Formulário de Candidatura, Manual Operacional e outros) aceda a European Enterprise Promotion Awards, disponíveis no website IAPMEI.

Apenas os candidatos que participam na 1ª fase – nacional – e que sejam selecionados podem ser considerados para a 2ª fase – competição europeia.

 

Quais as categorias disponíveis?

Atualmente a competição integra seis categorias:

1) Promoção do espírito de empreendedorismo (Promoting the entrepreneurial spirit)

Distingue ações e iniciativas a nível nacional, regional ou local, que promovam o espírito empreendedor, especialmente entre os jovens e as mulheres.

 

2) Investimento nas competências empreendedoras (Investing in entrepreneurial skills)

Distingue iniciativas a nível local, regional ou nacional, que contribuam para melhorar competências na área do empreendedorismo e da gestão.

 

3) Desenvolvimento do ambiente empresarial (Improving the business environment)

Distingue políticas inovadoras a nível nacional, regional ou local, que promovam a criação e o desenvolvimento empresarial, simplifiquem procedimentos legislativos e administrativos em domínios relacionados com a atividade das empresas, e implementem o princípio “Pensar primeiro em pequena escala” para as pequenas e médias empresas.

 

4) Apoio à internacionalização das empresas (Supporting the internationalisation of business)

Distingue políticas e iniciativas a nível nacional, regional ou local, que incentivem as empresas, particularmente, as pequenas e médias empresas, a beneficiarem mais das oportunidades oferecidas pelos mercados dentro e fora da União Europeia.

 

5) CATEGORIA SUSPENSA NA EDIÇÃO DE 2017 – Apoio ao desenvolvimento de mercados ecológicos e à eficiência dos recursos (Supporting the development of green markets and resource efficiency)

Distingue políticas e iniciativas a nível nacional, regional e local, que apoiam o acesso das PME aos mercados ecológicos e ajudam a melhorar a eficiência dos seus recursos através, por exemplo, do desenvolvimento de competências ecológicas e de replicação bem como de financiamento.

Nota: Dado que a categoria 5. Apoio ao desenvolvimento de Mercados Ecológicos e à Eficiência dos Recursos está suspensa na edição 2017 dos Prémios Europeus de Promoção Empresarial, promotores de iniciativas associadas a esta temática devem avaliar eventual enquadramento noutra categoria, formalizando a candidatura até 12 de abril de 2017.

 

6) Empreendedorismo responsável e inclusivo (Responsible and inclusive entrepreneurship)

Distingue ações nacionais, regionais e locais por parte das autoridades ou de parcerias público/privadas que promovam a responsabilidade social nas pequenas e médias empresas e incentivem o empreendedorismo junto de grupos desfavorecidos, tais como desempregados, especialmente desempregados de longa duração, imigrantes, pessoas com deficiência ou minorias étnicas.

 

 

Quem se pode candidatar?

A competição está aberta às entidades públicas da União Europeia, bem como a países associados ao Programa COSME: Islândia, Sérvia e Turquia.

As entidades elegíveis incluem organizações nacionais, municípios, cidades, regiões e comunidades, bem como parcerias público-privadas entre entidades públicas e empreendedores, programas educativos e organizações empresariais.

 

As candidaturas devem fazer referência a iniciativas existentes ou recentes em matéria de elaboração de políticas, de empresas ou de educação e à sua influência na região ou localidade em questão, demonstrando uma evolução progressiva durante um período de dois anos.

 

 

Sobre os Prémios Europeus de Promoção Empresarial

 

Lançados em 2005 pela Comissão Europeia, os Prémios Europeus de Promoção Empresarial (European Enterprise Promotion Awards – EEPA), um instrumento do Small Business Act, têm como objetivo distinguir boas práticas da iniciativa empresarial, partilhar boas práticas e encorajar e inspirar potenciais empreendedores na Europa

O processo de seleção inclui duas fases para qualificação:

  1. 1ª fase, seleção a nível nacional;
  2. 2ª fase, seleção a nível europeu.

 

Ao IAPMEI, enquanto Coordenador Nacional desde a 1ª edição, compete-lhe promover e dinamizar a iniciativa no país e apresentar à competição europeia os projetos selecionados na fase nacional (máximo de dois projetos em categorias diferentes).

Tendo-se assinalado em 2016 a comemoração dos dez anos dos European Enterprise Promotion, o IAPMEI foi homenageado pela Comissão Europeia enquanto Coordenador Nacional dos EEPA, pelo trabalho desenvolvido no âmbito desta iniciativa. Actualmente, Portugal é o país com mais projetos premiados na fase europeia, com um total de seis projetos, seguido de Itália e Espanha com cinco projetos cada.